Conteúdo, Comunicação e Motivação

Volta e meia me deparo com esse tema, talvez por acreditar que os problemas nas relações têm sua raiz na comunicação, eu estou sempre lendo e procurando entender como ser uma comunicadora melhor. Lógico que nem sempre consigo ser clara ou melhor acho que as vezes sou clara de mais, direta e cortante, como já me disseram uma vez.  A questão é que o processo de comunicação é bilateral e o outro lado tem que querer estabelecer e manter o nível da conversa até que o entendimento se faça presente.

Uma habilidade importante quando tratamos de problemas que envolvam um determinado individuo ou um grupo, é o de fornecer a eles informações e observações construtivas que permitam a quem recebe, compreender o significado real das palavras e se dispor a mudar.  Quando falo do significado real das palavras, é que me deparo sempre com pessoas tentando colocar outros significados nas palavras expressas pelo locutor.  Se pensarmos que cada um de nós temos a tendência de enxergar as coisas sob as nossas próprias lentes, temos que ser muito cuidadosos ao falar e principalmente ao ouvir.

Não existe formula mágica para esse processo, então descrever com fatos e dados sempre ajuda. O receptor que recebe a narração de um fato se sente mais à vontade em conversar sobre o conteúdo apresentado do que falar de avaliações e julgamentos pessoais.  Uma comunicação recheada de julgamentos e ideias preconcebidas só geram reações defensivas de quem ouve.  Lógico que tem exceções de pessoas que vivem na defensiva, mas ai é outro post.

Especifique de forma objetiva o conteúdo da sua mensagem, quando estamos num processo de comunicação de forma mais relaxada, as vezes não pensamos muito e somos mais espontâneos. Se falarmos de forma objetiva, concreta e com significados bem entendidos provavelmente o nível de compreensão será maior. Mas isso não significa que os mal entendidos desapareceram, se os assuntos ficarem no nível das suposições e abstrações, podemos acarretar resultados negativos.

Quando se trata do aspecto profissional além desses cuidados acima, analise o quanto esse conteúdo da conversa pode ser compatível com as motivações do receptor. E até mesmo do comunicador, pois quem fala quer passar uma ideia e nem sempre é uma necessidade do receptor, ainda mais no ambiente de trabalho.  E se você é gestor mais ainda, busque considerar as necessidades do receptor para que o resultado seja construtivo.

A aplicação do conteúdo de forma prática também pode abrir o fluxo de comunicação de forma mais leve.  Quando o receptor da comunicação consegue visualizar caminhos de mudanças ou uso da informação de forma prática, ele se sente no controle.  O que permite que sua motivação (motivos de ação) se eleve ao ponto de haver transformações. Na realidade eu percebo que as pessoas que pedem conselho, feedback e dica aos seus conhecidos, se sentem mais dispostas a se desenvolverem e crescerem.  Elas já chegam prontas para receberem o conteúdo da comunicação, seja ele negativo ou positivo.

Eu sempre tenho por hábito agradecer por todo conteúdo que recebo numa comunicação, especialmente se é um feedback ou uma dica para melhorar, só dedica tempo a você quem quer o seu bem.  As oportunidades que a vida nos oferece para motivarmos aos nossos colegas e familiares são muitas. Saber o momento certo de falar sobre um fato, comunicar um conteúdo ou expor um comportamento em questão permite que a comunicação seja precisa e principalmente compreendida.   É novamente a questão de estar aberto a se desenvolver.

Lógico que eu concordo com você que numa conversa difícil em que aspectos negativos sobre seu comportamento e ações são levantados, a vontade é sumir (risos). Mas eu tendo lidar com essa dificuldade e superar essa conversa de forma positiva. Penso sempre que as avaliações precisam ser internalizadas e processadas e por isso eu tento analisar todos os aspectos dela.

Para diminuir as barreiras de comunicação é preciso existir uma relação de confiança mutua, se alguma das partes não tem confiança a comunicação se torna unilateral.  Quando confiamos na pessoa que está nos sinalizando um ponto positivo ou negativo é bem mais fácil de aceitarmos que precisamos manter (ponto positivo) ou mudar (ponto negativo).

Já tem alguns anos eu aprendi que o conteúdo e a motivação do locutor passam a mensagem com finalidades distintas, e por conseguinte produzem resultados distintos. Vou tentar colocar na forma de uma tabelinha para ajudar. Vide abaixo:

Conteúdo Motivação Finalidade
Verdade Afeto Transmitir o conteúdo com seriedade e visando o crescimento do outro. Em muitos casos se percebe que o locutor quer ajudar nesse processo de desenvolvimento do receptor.
Mentira Afeto Não magoar o receptor e evitando conflito, então o conteúdo é omitido ou não transmitido. (A chamada mentira branca)
Verdade Desafeto Ferir e magoar o receptor com a verdade sem se preocupar com o resultado (gota d´água que transborda o copo)
Mentira Desafeto O conteúdo é modificado de forma negativa visando destruir o outro. (Calunia e difamação)

 

Comunicação positiva e que visa a motivação não é para qualquer um. Aprender a receber feedbacks negativos sem reações intempestivas, emotivas e/ou defensivas.  E dar feedbacks sem conotações emocionais intensas também requer muita habilidade. Talvez por isso muitas pessoas se omitam e finjam que não fazem parte do processo de desenvolvimento dos seus colegas, amigos e familiares. Para desenvolver uma comunicação motivacional em qualquer relação que você estiver, seja pessoal ou profissional, pense no que você gostaria de ter como resultado prático na sua vida e do seu receptor. E boa prática para você!

Deixe seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: