Na Contramão

Já dizia o velho ditado “devagar se vai ao longe”.  Talvez seja uma impressão minha, mas perceberam o ritmo frenético em que tudo acontece hoje em dia? Ou o mundo está girando realmente mais rápido ou eu estou ficando lenta demais para acompanhar.

Estou na fase slow motion portanto minha prioridade é relaxar e curtir o dia sem me preocupar com o relógio.  Ah! esse velho companheiro, está lá na gaveta da cômoda, aposentado. Não que eu não o ache bacana, mas simplesmente porque amo aquela sensação de não ter horas para nada, mesmo quando tenho uma agenda lotada.

Um almoço demorado me agrada mais do que fast food (aliás eu nunca fui fã, mas agora eu odeio).  E o bom papo daqueles de ficar horas falando sem parar e atropelando um ao outro, eu curto muito.  Com as redes sociais as pessoas estão ficando cada vez mais monossilábicas nas interações.  Mas quando eu descubro um comunicador pertinho, ai é felicidade total.

Até no âmbito profissional as coisas mudaram demais, tudo tem que ser rápido, intempestivo e no grito.  Ops! Descobri o porquê de tanto estresse sendo diagnosticado. Um bom papo ajuda muito, mas é mais fácil ser superficial.  Aprofundar relacionamentos carece de investimento de tempo e cada um parece estar dizendo eu não tenho tempo para investir. Que pena!

E com cada um correndo de um lado para outro, como ser criativo e inovador? É o poeta já dizia que “a inspiração é uma luz que chega de repente”. Mas com tanta correria não sei se alguém consegue perceber tão ilustre presença. Por isso na contramão dos dias de hoje sempre que posso me dedico ao ócio produtivo, que pra mim é o refúgio do não ter o que fazer.

Nesses momentos posso pegar meus famosos cadernos e escrever livremente meus pensamentos, sem a necessidade de que dali saia algo formatado para publicação ou eu tenha que entregar a alguém para ler. É simplesmente a presença da inspiração.

Outro momento na contramão da correria, estão as minhas viagens de lazer, sempre me organizo para os momentos de espera nas salas de embarque.  Enquanto a maioria grita com os funcionários das linhas aéreas eu sento e leio um bom livro, organizo a agenda, escrevo e posto material na internet.

Salas de embarque não me estressam se eu conseguir um cantinho para sentar e aproveitar esse tempo.  E a viagem para ser perfeita tem que ter a agenda livre.  Viagens com programação extensa me deixam angustiada. Minhas programações precisam ser bem espaçadas e eu preciso conseguir me alimentar devagar.

Um prazer que tem me acompanhado por onde eu vá é o de escrever. No início do ano parti rumo a Foz do Iguaçu, com meu kit especial de canetas, blocos e alguns rascunhos. Nada de notebook, o iphone foi o máximo de tecnologia que me permiti. Entre uma sala de embarque e outra, diversos textos foram surgindo ao observar o movimento dos passageiros.

No bailar das ideias ao som distante das conversas que borbulhavam, percebi que a inspiração podia surgir ali no meio ao caos da sala de embarque do aeroporto de Guarulhos. Isso porque você começa a se desligar do ritmo acelerado de tudo, mesmo quando todos correm.

E foi assim que um dia parei para analisar e refletir sobre a falta de criatividade e inovação que eu ouço tanto de alguns coachees.  Minha teoria está que não existe uma receita de bolo, somos diferentes e o que pode ser ruim para mim, pode ser maravilhoso para o outro. Porém uma efervescência de ideias sempre surge no momento em que aquieto a minha mente e esvazio o cérebro de questões logicas e racionais.

Assim vou caminhando na contramão do mundo e cada vez mais curtindo a vida em ritmo lento. Talvez isso se chame maturidade e eu esteja percebendo que acelerar não seja fundamental para se ter sucesso. Porém parar é outra história.

Deixe seu comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: